terça-feira, julho 16, 2024
- Publicidade -
InícioCarrosElétricosDolphin Mini disponível em pré-venda por R$ 89 mil: confirmação dos concessionários

Dolphin Mini disponível em pré-venda por R$ 89 mil: confirmação dos concessionários

Hatch compacto elétrico fez primeira aparição pública no Domingão com Huck

O BYD Dolphin Mini fez sua tão aguardada estreia pública no Brasil, marcando presença no programa Domingão do Huck, da TV Globo, no último domingo (25). Durante o programa, foi anunciado o início da pré-venda deste veículo elétrico, acompanhada de um bônus de R$ 10 mil para os primeiros compradores, o que reduzirá o preço inicial para R$ 89.800.

A revelação oficial do preço de catálogo do Dolphin Mini, estimado em R$ 98.800, está agendada para esta quarta-feira (28), apresentando uma versão única de acabamento com capacidade para quatro ocupantes. Embora a revista Autoesporte tenha realizado uma avaliação detalhada do hatch elétrico, o conteúdo completo só será divulgado na próxima quarta-feira (28), conforme programado pela fabricante chinesa para o lançamento oficial.

Nesse ínterim, reunimos todas as informações já disponibilizadas publicamente sobre o Dolphin Mini. O preço tem sido um dos segredos mais bem guardados pela BYD, com expectativas de que este veículo elétrico possa ser o mais acessível do Brasil, com uma tabela inicialmente fixada em R$ 99.800. Contudo, não seria surpreendente se a marca chinesa ajustasse essa etiqueta ligeiramente acima dos R$ 100 mil.

Quanto ao próprio BYD Dolphin Mini, tivemos a oportunidade de conhecê-lo na China em setembro de 2023. Naquela ocasião, ficou evidente que, apesar de suas dimensões compactas, com 2,50 metros de entre-eixos em seus 3,78 metros de comprimento, o espaço interno é generoso, graças aos eixos posicionados nas extremidades da carroceria.

É relevante mencionar que, ao chegar ao Brasil, o hatch estará disponível apenas com quatro assentos. No entanto, durante a divulgação internacional para a imprensa, foi observada uma menção sobre o desenvolvimento de uma versão de cinco lugares para o mercado latino-americano. Confirmamos não apenas a existência dessa versão, mas também sua previsão de lançamento posterior no Brasil.

Além disso, obtivemos detalhes exclusivos sobre os itens de série do modelo, que incluem seis airbags, faróis e lanternas em LED, direção elétrica ajustável, controle de cruzeiro, central multimídia com tela de 10,1 polegadas compatível com Android Auto e Apple CarPlay, navegador GPS, Spotify integrado, painel digital, carregador de celular por indução, rodas de liga leve aro 16 e freios a disco nas quatro rodas.

Quanto ao desempenho, na China, o BYD Dolphin Mini apresenta tração dianteira, com motor elétrico de 55 kW (74 cv), alimentado por baterias de 30 kWh ou 38,8 kWh. Com a bateria de 38,8 kWh, a autonomia anunciada é de 402 km no padrão chinês, um valor que provavelmente será reduzido sob os padrões do Inmetro. Por comparação, o Dolphin, que utiliza baterias de 44,9 kWh, tem uma autonomia declarada de 291 km pelo órgão brasileiro.

Em termos de design, o Dolphin Mini exibe uma estética mais esportiva em comparação com seu “irmão maior”, especialmente nos detalhes dos faróis e na inclinação do capô. Na parte traseira, o design segue a mesma linguagem estilística, com destaque para a lanterna alongada que se estende pela tampa do porta-malas, proporcionando um visual distintivo. Por dentro, mantém-se a familiaridade com os modelos anteriores da linha BYD, com um painel característico e uma tela central menor em comparação com o Dolphin. O seletor de marchas em forma de botão giratório é um toque interessante, facilitando a operação do veículo.

- Publicidade -
Google search engine
NOTÍCIAS RELACIONADAS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
Google search engine

Mais Popular