sexta-feira, junho 28, 2024
- Publicidade -
InícioFórmula 1Magnussen inocenta Hamilton e diz que acidente na largada em Barcelona foi...

Magnussen inocenta Hamilton e diz que acidente na largada em Barcelona foi “azar”

Kevin Magnussen chegou a afirmar, após o acidente, que Lewis Hamilton batera nele de propósito. Depois de rever o lance, mudou de opinião

Um toque de roda com roda logo na largada do GP da Espanha da semana passada prejudicou bastante as corridas de Lewis Hamilton e Kevin Magnussen, que tiveram de ir imediatamente para os boxes e foram para bem distante do restante do pelotão. Hamilton até se recuperou e terminou em quinto, mas Magnussen terminou mesmo fora dos pontos. Mesmo assim, o dinamarquês chamou a situação somente de infelicidade e isentou o heptacampeão de culpa.

Foi uma novidade para Magnussen, que, logo após a batida, chegou a afirmar que Hamilton batera nele propositalmente. Depois da prova, voltou atrás e disse que a afirmação era fruto da cabeça quente, mas ainda não avaliara o incidente mais de perto. Após fazer isso, afirmou que o piloto da Mercedes não teve responsabilidade pelo acidente.

“Pude avaliar e mudei minha opinião. Tive a sensação de que a pista estava aberta e ele veio na direção de fora, mas não foi o que aconteceu. Lewis ficou na trilha da Ferrari e saiu de frente um pouco. Eu estava muito próximo a ele. Não dei muito espaço para que ele errasse, não dei margem, então tocamos. Foi azar”, afirmou à revista inglesa Autosport.

Kevin Magnussen isentou Lewis Hamilton (Foto: Haas F1 Team)

“Só queria que eu tivesse virado um milisegundo antes, mas, numa curva como aquela, se você vai contornar por fora, quer estar o mais próximo possível. Não quer abrir demais e ir na parte suja da pista. Foi o que eu fiz”, explicou.

“Infelizmente, tocamos. Também teve azar envolvido: se eu estivesse um pouquinho mais na frente quando batemos, teríamos tocado aro com aro e tudo teria sido diferente, mas, por infelicidade, tocamos lado do carro no pneu e rendeu um furo. Falta de sorte. Queria ter dado um pouco mais de espaço”, finalizou.

Magnussen tem 15 pontos até aqui no campeonato, todos os marcados pela Haas, e ocupa a décima posição do Mundial de Pilotos.

- Publicidade -
Google search engine
NOTÍCIAS RELACIONADAS
- Publicidade -
Google search engine

Mais Popular