terça-feira, julho 16, 2024
- Publicidade -
InícioFórmula 1Williams rasga elogios a De Vries após treino na Espanha: “Deveria estar...

Williams rasga elogios a De Vries após treino na Espanha: “Deveria estar orgulhoso”

Atual campeão da Fórmula E impressionou a equipe de Grove por suas habilidades "de entender pneus" e "dar feedback pós-sessão"

Nyck de Vries substituiu Alexander Albon no primeiro treino livre para o GP da Espanha, vencido por Max Verstappen no último fim de semana, e impressionou a Williams. O atual campeão da Fórmula E andou por 28 voltas no Circuito de Barcelona-Catalunha, com melhor tempo de 1min22s920, na 18ª colocação – à frente de Nicholas Latifi.

A Williams colocou de Vries no cockpit do FW-44 de acordo com o regulamento esportivo da F1 para a temporada de 2022, no qual há uma regra em que as equipes da principal categoria automobilística do mundo são obrigadas a escalar um piloto novato, “que não pode ter participado de mais de dois GPs de F1”, em pelo menos duas sessões de treinos.

“Ele completou o cronograma de engenharia que precisávamos que ele completasse, o que para nós foi a parte mais importante. Não somente ele não teve um grande período de treino no simulador, como demos a ele os pneus duros em seu primeiro stint, o que sabíamos que poderia ser um pouco difícil. Mas, ao menos, (pneus) deram a ele uma oportunidade de fazer um bom número de voltas iniciais”, começou a analisar Dave Robson, chefe de performance da equipe de Grove.

Nyck de Vries em ação no TL1 do GP da Espanha (Foto: Williams)

“E então, sair diretamente disso para os compostos macios, de classificação, é pedir um grande favor para qualquer um – e você pode ver em seu tempo de volta que ele fez um trabalho muito bom. O ritmo estava lá. Sua habilidade de entender o pneu e fazer a volta de saída corretamente foi realmente impressionante”, adicionou.

Robson também fez questão de afirmar que de Vries provou ser capaz de ter um espaço no grid de pilotos da Fórmula 1 – ainda que existam outros talentos que igualmente merecem uma chance na principal categoria de automobilismo do mundo.

“O feedback pós-sessão dele foi extremamente bom. Teve alguns comentários muito úteis quanto ao balanço do carro, que vai de encontro com o que ouvimos dos nossos dois pilotos. Então penso que, quanto a isso, considerando que ele só teve uma hora no carro, que fez um trabalho muito bom e claramente tem o que precisa para ser um piloto de qualidade alta. Merece um lugar no grid, mas muitos outros pilotos também. Ele aproveitou sua oportunidade e penso que deveria estar orgulhoso do que fez”, finalizou o membro da Williams.

- Publicidade -
Google search engine
NOTÍCIAS RELACIONADAS
- Publicidade -
Google search engine

Mais Popular